Site Map
  Home Home Forum Forum Minha conta Minha conta Participe Participe Contactos Contactos
Rotas Turísticas
www.rotasturisticas.com
O que visitar
Cascais
Lisboa - Informação Geral
Hotéis próximos a Lisboa - Informação Geral
Adicionar foto Participe. Partilhe as suas fotos de Lisboa - Informação Geral

Lisboa - Informação Geral
Informação Geral
Cascais Lisboa Portugal

Achados arqueológicos indicam que já havia influência e até mesmo ocupação fenícia na região no ano de 1200 a.C.
Os Celtas invadiram a região no primeiro milénio a.C. e através de casamentos com os povos ibéricos pré-romanos quejá habitavam a região aumentaram o número de falantes da língua celta na região.

A cidade que cresceu foi nomeada Allis Ubbo ou Porto seguro em fenício, segundo uma das teorias. Outra teoria diz que vem por associação ao nome pré-romano do rio Tejo, Lisso ou Lucio.
Alguns dos historiadores consideram que a ideia da fundação fenícia é irreal, e acreditam que Lisboa era uma antiga civilização autóctone (chamada pelos romanos de oppidum) e que, no máximo, mantinha relações comerciais com os fenícios, o que explicaria a presença de cerâmicas fenícias e outros objectos.

Uma lenda popular conta que a cidade de Lisboa teria sido fundada pelo herói grego Ulisses, e que tal como Roma o seu povoado original foi rodeado por sete colinas. Derivadondo daí, os gregos terem chamado à cidade de Olissipo, proveniente do nome do herói

Os gregos tiveram provavelmente na foz do rio Tejo um posto de comércio durante algum tempo, mas os conflitos que grassavam por todo o mediterrâneo levaram sem dúvida ao seu abandono, devido sobretudo ao poderio de Cartago na região nessa época.

Após a conquista a Cartago do oriente peninsular, os romanos iniciam as guerras de pacificação do ocidente. Cerca de 205 a.C. os Olisiponenses estabeleceram uma aliança estratégica com os romanos, lutando lado a lado com as legiões, conquistando a vitória e sendo absorvida no império e recompensada com a atribuição de cidadania romana, um privilégio raríssimo já naquela época para povos não italianos. Felicitas Julia foi o nome que os romanos batizaram então a cidade.

No tempo dos romanos a cidade era famosa pelo garum, um molho de luxo feito à base de peixe, exportado em ânforas para Roma e todo o império, assim como vinho, sal e cavalos da região. Ptolomeu chamou a cidade de Oliosipon.

Nos finais do domínio romano Olissipo seria um dos primeiros núcleos a acolher o cristianismo. O primeiro bispo da cidade foi São Gens. Olissipo sofreu invasões bárbaras dos alanos, vândalos tendo mais tarde feito parte do reino dos suevos, antes de ser tomada pelos visigodos de Toledo, que a chamaram de Ulishbona.

Olishbuna foi conquistada pelas tropas Arabes de Abdelaziz ibn Musa, um dos filhos de Tariq, no ano de 719.
Em árabe chamavam-lhe al-Lixbûnâ.

A primeira tentativa por parte de Afonso de conquistar al-Ushbuna deu-se em 1137 mas fracassou frente às muralhas da cidade. Em 1140 aproveita os cruzados que passavam por Lisboa para novo ataque que falha novamente.

Só sete anos depois os cristãos a reconquistariam graças ao primeiro rei de Portugal, Dom Afonso Henriques primeiro rei português, e ao seu exército de cruzados, no ano de 1147. Dom Afonso Henriques concedeu-lhe foral em 1179. A cidade tornou-se capital do reino em 1255 devido à sua localização estratégica.







Lisboa é a capital de Portugal.
Localizada na margem direita do rio Tejo, Lisboa é a capital mais ocidental da Europa.

Lisboa cidade tem cerca de 500 000 habitantes e uma área metropolitana com cerca de 2,8 milhões de habitantes.

Os bairros típicos de Lisboa atraem visitantes de todo o mundo pelas suas características peculiares. A baixa pombalina, Belém, Chiado, Bairro Alto, Alfama, Castelo, etc, são zonas onde afluem milhares de turistas e visitantes anualmente.

Duas pontes unem a cidade à margem sul do rio Tejo: a Ponte 25 de Abril que liga Lisboa a Almada, inaugurada em 1966 com o nome de Ponte Salazar e posteriormente rebaptizada para Ponte 25 de Abril e a Ponte Vasco da Gama, com 17.2 km de comprimento, a segunda mais longa da Europa

Que visitar em Lisboa
Entre muitos outros monumentos e locais de interesse:
Castelo de São Jorge
Bairros de Alfama, Bairro Alto
Baixa de Lisboa
Avenida da Liberdade
Rossio
Belem
Parque das nações
Oceanario
Jardim Zoologico

Das numerosas igrejas que há em Lisboa destacam-se:

Basílica da Estrela
Convento do Carmo
Igreja de São Vicente de Fora
Sé de Lisboa
Igreja de Santa Engracia (Panteão Nacional)

Mosteiro dos Jeronimos
Torre de Belem
Padrão dos Descobrimentos

A não perder uma noite de fado, num dos bairros tipicos de Lisboa


Se pretende visitar Lisboa - Informação Geral e está procurando um hotel próximo para se hospedar, sugerimos as seguintes opções para o seu alojamento - Hotéis próximos a Lisboa - Informação Geral num raio de 30 Km Clique aqui

 
Lisboa - Informação Geral
Cascais,Lisboa,Portugal

  Comentar & avaliar

Data: 2009-11-23
Lat: 38.70702031085622
Lon: -9.135531315344234
Como chegar
Consultado: 17563 vezes
Pontuação: 0 Pontos
 
 

 
 
HOME | Quem somos | Politica de privacidade | Publicidade | Contactos | Mapa do Site